22/06/2013

Leitura ..

Sou louca por livros, claro. Logo já começo as minhas compras exageradas, mesmo não tendo lido todos da ultima compra rs'.

Olha só os livros que eu estou louca para ler:



Faz tempo, mas eu ainda compro e leio esse livro. É como dizem .. "Quando a morte conta uma história, você deve para ler". Olha só a sinopse: 

"Entre 1939 e 1943, Liesel Meminger encontrou a morte três vezes. E saiu suficientemente viva das três ocasiões para que a própria, de tão impressionada, decidisse nos contar sua história, em 'A menina que roubava livros'. Desde o início da vida de Liesel na rua Himmel, numa área pobre de Molching, cidade próxima a Munique, ela precisou achar formas de se convencer do sentido de sua existência. Horas depois de ver seu irmão morrer no colo da mãe, a menina foi largada para sempre aos cuidados de Hans e Rosa Hubermann, um pintor desempregado e uma dona-de-casa rabugenta. Ao entrar na nova casa, trazia escondido na mala um livro, 'O manual do coveiro'. Num momento de distração, o rapaz que enterrara seu irmão o deixara cair na neve. Foi o primeiro dos vários livros que Liesel roubaria ao longo dos quatro anos seguintes. E foram esses livros que nortearam a vida de Liesel naquele tempo, quando a Alemanha era transformada diariamente pela guerra, dando trabalho dobrado à Morte. O gosto de roubá-los deu à menina uma alcunha e uma ocupação; a sede de conhecimento deu-lhe um propósito. E as palavras que Liesel encontrou em suas páginas e destacou delas seriam mais tarde aplicadas ao contexto da sua própria vida, sempre com a assistência de Hans, acordeonista amador e amável, e Max Vanderburg, o judeu do porão, o amigo quase invisível de quem ela prometera jamais falar. Há outros personagens fundamentais na história de Liesel, como Rudy Steiner, seu melhor amigo e o namorado que ela nunca teve, ou a mulher do prefeito, sua melhor amiga que ela demorou a perceber como tal."



De tanto ouvir falar sobre, ando precisando e muito de lê-lo. 

"A culpa é das estrelas narra o romance de dois adolescentes que se conhecem (e se apaixonam) em um Grupo de Apoio para Crianças com Câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos que sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perdeu a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas.
Inspirador, corajoso, irreverente e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar." 




Tenho o filme, mas não assiste ainda acredita?! Preciso decidir se quero ler antes de assistir, ou o contrario.

"O livro é contado por Pat, um homem perdido, principal personagem dessa história. O grande lance do autor é que o próprio Pat sabe pouco, ou quase nada, sobre o que aconteceu a ele e aos que o rodeavam, nos últimos anos. Ele não se lembra dos grandes acontecimentos de sua cidade ou do mundo. Ele estava no “lugar ruim”, recuperando-se de quê? O que houve? Ele sabe que está passando por um tempo de separação de seu grande amor, Nikki, mas por quê? Ele também não sabe… Só sente que todos lhe escondem coisas, em especial a mãe, e quando o nome de Nikki é mencionado, um “climão” é instalado."


Bom, esses por enquanto são as prioridades rs'  Alguém já leu e gostou?? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POTS RELACIONADOS

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...